-
loading
Só com imagem

Cursos detetive particular

Campo Grande-MS (Mato Grosso do Sul)
Detetive Particular Uberaba 34 99904-5669*** https://g.page/detetiveparticularuberaba?share ***A WT Detetive Particular atua sob direção de Wilson Teixeira, 45 anos, desde 1995 habilitado pela Academia Paulista de Investigações e possui diversos cursos na área, além de formação em ciências da aeronáutica, apaixonado por asas rotativas. A WT atendeu centenas de casos em diversas cidades tais como São Paulo, Belo Horizonte, Uberlândia, Montes Claros, entre outras e atende ainda o mercado internacional. A prestação de serviços inclui inúmeros casos como desaparecimento de pessoas, casos criminais, passionais, conjugais, patrimoniais, furtos, roubos, crimes cibernéticos, questões partidárias, infiltração empresarial, dossiê executivo, entre outros, além de prestar consultorias e assessorias. Portanto, a WT Detetive Particular busca garantir ao cliente um atendimento profissional, tendo como princípios básicos a ética, a discrição, o sigilo e a honestidade. A profissão de DETETIVE PARTICULAR é regulamentada e foi sancionada pela Lei 13.432/17. Nesse sentido, além de atuar como investigador privado o profissional pode colaborar com a autoridade policial em casos oficiais. Atualmente o mercado de investigação particular no Brasil tem sido amplamente explorado e conta com a atuação direta do detetive particular, haja vista que a lei permite a colaboração mútua. Nos meios de comunicação é possível testemunhar a repercussão de casos de investigação em que a mídia aponta a participação ativa de detetives particulares na solução de casos relevantes para o futuro da nação. Anteriormente o detetive particular era buscado principalmente para investigação de casos de infidelidades conjugais, mas atualmente a postura mudou e o papel do investigador ampliou o seu espectro. Uberaba tem sua origem na ocupação do Triângulo Mineiro, que ficou sob a jurisdição de Goiás até 1816. A região começou a ter importância preciosa, que consistia em uma das metas administrativas da Coroa Portuguesa, o governador da Capitania de São Paulo e Minas Gerais articulou a abertura de uma estrada. Esta missão ficou a cargo de Bartolomeu Bueno da Silva Filho (filho de Anhanguera). A expedição era composta por 152 homens, entre os quais 20 índios carregadores, 3 religiosos e 39 cavalos. Ela partiu de São Paulo pelos rios Atibaia, Camanducaia, Moji-Guaçu, Rio Grande, Rio das Velhas e penetrando em Goiás pelo Corumbá. Segundo alguns relatos da época, a expedição passou por terras de Uberaba. Esta rota ficou conhecida como Estrada Real ou Anhanguera que consistia em um importante caminho para que as autoridades portuguesas implementassem a colonização, a produção e escoamento dos minerais preciosos. Na verdade, a maioria das riquezas minerais do Brasil foram levadas para Portugal e utilizadas para o pagamento de suas dívidas em relação à Inglaterra. Posteriormente, a expedição do filho de Anhanguera fundou em 1725 o povoado de Vila Boa em Goiás. Outra estrada mais a Oeste foi aberta em 1736, passando por terras de Araxá em direção à Vila Boa denominada Picada de Goiás. A exploração e o povoamento de todo o Triângulo Mineiro, de modo geral, se fez como em todo o Brasil – Colônia, pelo amansamento e extermínio das populações indígenas e dos negros nos quilombos. As estradas para Goiás tornaram-se palco de batalhas, entre os exploradores dos sertões e os nativos. Diante disso, o governo de Goiás viabilizou a segurança das estradas e por isso nomeou em 1742, o Coronel Antônio Pires de Campos para policiar, amansar e até mesmo exterminar os silvícolas rebeldes, fato constatado com a matança dos Caiapós. Em 1766 foi criado o Julgado de Nossa Senhora do Desterro do Desemboque, sob a administração de Goiás, local rico em minas auríferas e de intensa exploração. A posse desse Arraial por Goiás era vantajosa aos moradores, pois estavam livres do pagamento de imposto sobre minerais, denominado “derrama”, cobrado em Minas Gerais. Desemboque teve o seu esplendor até 1781, quando as minas auríferas se esgotaram. Prosseguindo a exploração das terras, o governo de Goiás para dinamizar a administração dos Sertões, nomeou pela Portaria de 1809 Antônio Eustáquio da Silva Oliveira (natural de Ouro Preto) para a função de Comandante Regente dos Sertões da Farinha Podre (Triângulo Mineiro), e em 1811 foi nomeado pelo Ato Governamental, Curador de índios. Em 1810, Major Eustáquio liderou uma Bandeira até o Rio da Prata, passando por terras de Uberaba. Outra expedição chefiada por José Francisco Azevedo, atingiu a cabeceira do Ribeirão Lajeado, fundando o Arraial da Capelinha, aproximadamente a 15 km do Rio Uberaba. Entretanto este local não se desenvolveu por falta de água e terras férteis, conforme constatou Major Eustáquio em visita ao Arraial. Consequentemente, o Regente dos Sertões comanda outra Bandeira com 30 homens e procura novas terras para se estabelecerem. Atingem o Rio Uberaba e fixam-se na margem esquerda do Córrego das Lages, onde foi edificada a Chácara da Boa Vista (hoje Fazenda Experimental da Epamig). Junto com Major Eustáquio vieram fazendeiros e aventureiros que passaram a produzir e comercializar com as caravanas que ligavam Goiás a São Paulo. Algum tempo depois, Major Eustáquio construiu sua residência na Praça Rui Barbosa (atual Hotel Chaves). Grande número de pessoas sabendo das condições propícias de Uberaba e do prestígio e segurança que o comandante Major Eustáquio oferecia, imigraram para o novo Arraial. Eram boiadeiros, mascates, comerciantes, criadores de gado, ferreiros, etc… Os moradores logo ergueram uma Capela tendo como oragos Santo Antônio e São Sebastião, benzida em 1818 pelo padre Hermógenes Cassimiro de Araújo Brunswick, do Desemboque. Assim foi estabelecido o reconhecimento do povoado pela Igreja. Esta instituição representava prestígios decisórios junto aos governos. Visto que em 2 de março de 1820, o rei D. João VI decreta a elevação de Uberaba à condição de Freguesia. O Decreto Real constituiu um grande avanço para a comunidade. Significou a emancipação e gerência própria em assuntos de ordem civil, militar e religioso. Foi o reconhecimento oficial tanto pela Igreja como pelo Governo Real. Uberaba foi crescendo e as terras foram ocupadas formando-se extensas propriedades devidas o baixo valor da terra e isenção de impostos sobre elas. Em pouco tempo reuniu-se seleta população de agricultores, pecuaristas e comerciantes e outras profissões, fato que viabilizou o Governo Provincial de Minas Gerais a criar o Município de Santo Antônio de Uberaba em 1836. Uberaba, em 1840 passou a sediar uma Comarca para distribuir a justiça na região. A importância regional da Vila de Santo Antônio de Uberaba era próspera que ela mereceu o título de Cidade em 1856, tornando-se um importante centro comercial que se acentuou com a inauguração da Estrada de Ferro em 1889, que foi um acontecimento facilitador da imigração européia para a cidade e do desenvolvimento da pecuária zebuína. A riqueza econômica refletiu na estrutura urbana onde surgiram requintadas construções no estilo eclético. No século XX, a cidade demonstra um crescimento da agricultura, da pecuária, da indústria e do comércio, atendendo as demandas nos aspectos econômicos, culturais e de serviços essenciais à população. Hoje Uberaba representa um centro comercial dinâmico, uma agricultura produtiva, um parque industrial diversificado e uma planejada estrutura urbana. Dada à importância histórica de 02/03/1820, quando a cidade foi elevada à Freguesia, o Município instituiu oficialmente como a data que se comemora o aniversário de Uberaba. Parabéns para os uberabenses que de maneira harmônica tem cumprido sua cidadania, preservando os valores culturais de nossa terra e valorizando a qualidade de vida da população. Anunciante Wilson Teixeira (34) 9990-45669 | (34) 9990-45669 http://www.wilsonteixeira.com.br/detetive-particular-uberaba/, x - centro - Uberaba - MG
Brasil (Todas as cidades)
Detetive Particular Uberaba (34)99904-5669 https://g.page/detetiveparticularuberaba?share A WT Detetive Particular atua sob direção de Wilson Teixeira, 45 anos, desde 1995 habilitado pela Academia Paulista de Investigações e possui diversos cursos na área, além de formação em ciências da aeronáutica, apaixonado por asas rotativas. A WT atendeu centenas de casos em diversas cidades tais como São Paulo, Belo Horizonte, Uberlândia, Montes Claros, entre outras e atende ainda o mercado internacional. A prestação de serviços inclui inúmeros casos como desaparecimento de pessoas, casos criminais, passionais, conjugais, patrimoniais, furtos, roubos, crimes cibernéticos, questões partidárias, infiltração empresarial, dossiê executivo, entre outros, além de prestar consultorias e assessorias. Portanto, a WT Detetive Particular busca garantir ao cliente um atendimento profissional, tendo como princípios básicos a ética, a discrição, o sigilo e a honestidade. A profissão de DETETIVE PARTICULAR é regulamentada e foi sancionada pela Lei 13.432/17. Nesse sentido, além de atuar como investigador privado o profissional pode colaborar com a autoridade policial em casos oficiais. Atualmente o mercado de investigação particular no Brasil tem sido amplamente explorado e conta com a atuação direta do detetive particular, haja vista que a lei permite a colaboração mútua. Nos meios de comunicação é possível testemunhar a repercussão de casos de investigação em que a mídia aponta a participação ativa de detetives particulares na solução de casos relevantes para o futuro da nação. Anteriormente o detetive particular era buscado principalmente para investigação de casos de infidelidades conjugais, mas atualmente a postura mudou e o papel do investigador ampliou o seu espectro. Uberaba tem sua origem na ocupação do Triângulo Mineiro, que ficou sob a jurisdição de Goiás até 1816. A região começou a ter importância preciosa, que consistia em uma das metas administrativas da Coroa Portuguesa, o governador da Capitania de São Paulo e Minas Gerais articulou a abertura de uma estrada. Esta missão ficou a cargo de Bartolomeu Bueno da Silva Filho (filho de Anhanguera). A expedição era composta por 152 homens, entre os quais 20 índios carregadores, 3 religiosos e 39 cavalos. Ela partiu de São Paulo pelos rios Atibaia, Camanducaia, Moji-Guaçu, Rio Grande, Rio das Velhas e penetrando em Goiás pelo Corumbá. Segundo alguns relatos da época, a expedição passou por terras de Uberaba. Esta rota ficou conhecida como Estrada Real ou Anhanguera que consistia em um importante caminho para que as autoridades portuguesas implementassem a colonização, a produção e escoamento dos minerais preciosos. Na verdade, a maioria das riquezas minerais do Brasil foram levadas para Portugal e utilizadas para o pagamento de suas dívidas em relação à Inglaterra. Posteriormente, a expedição do filho de Anhanguera fundou em 1725 o povoado de Vila Boa em Goiás. Outra estrada mais a Oeste foi aberta em 1736, passando por terras de Araxá em direção à Vila Boa denominada Picada de Goiás. A exploração e o povoamento de todo o Triângulo Mineiro, de modo geral, se fez como em todo o Brasil – Colônia, pelo amansamento e extermínio das populações indígenas e dos negros nos quilombos. As estradas para Goiás tornaram-se palco de batalhas, entre os exploradores dos sertões e os nativos. Diante disso, o governo de Goiás viabilizou a segurança das estradas e por isso nomeou em 1742, o Coronel Antônio Pires de Campos para policiar, amansar e até mesmo exterminar os silvícolas rebeldes, fato constatado com a matança dos Caiapós. Em 1766 foi criado o Julgado de Nossa Senhora do Desterro do Desemboque, sob a administração de Goiás, local rico em minas auríferas e de intensa exploração. A posse desse Arraial por Goiás era vantajosa aos moradores, pois estavam livres do pagamento de imposto sobre minerais, denominado “derrama”, cobrado em Minas Gerais. Desemboque teve o seu esplendor até 1781, quando as minas auríferas se esgotaram. Prosseguindo a exploração das terras, o governo de Goiás para dinamizar a administração dos Sertões, nomeou pela Portaria de 1809 Antônio Eustáquio da Silva Oliveira (natural de Ouro Preto) para a função de Comandante Regente dos Sertões da Farinha Podre (Triângulo Mineiro), e em 1811 foi nomeado pelo Ato Governamental, Curador de índios. Em 1810, Major Eustáquio liderou uma Bandeira até o Rio da Prata, passando por terras de Uberaba. Outra expedição chefiada por José Francisco Azevedo, atingiu a cabeceira do Ribeirão Lajeado, fundando o Arraial da Capelinha, aproximadamente a 15 km do Rio Uberaba. Entretanto este local não se desenvolveu por falta de água e terras férteis, conforme constatou Major Eustáquio em visita ao Arraial. Consequentemente, o Regente dos Sertões comanda outra Bandeira com 30 homens e procura novas terras para se estabelecerem. Atingem o Rio Uberaba e fixam-se na margem esquerda do Córrego das Lages, onde foi edificada a Chácara da Boa Vista (hoje Fazenda Experimental da Epamig). Junto com Major Eustáquio vieram fazendeiros e aventureiros que passaram a produzir e comercializar com as caravanas que ligavam Goiás a São Paulo. Algum tempo depois, Major Eustáquio construiu sua residência na Praça Rui Barbosa (atual Hotel Chaves). Grande número de pessoas sabendo das condições propícias de Uberaba e do prestígio e segurança que o comandante Major Eustáquio oferecia, imigraram para o novo Arraial. Eram boiadeiros, mascates, comerciantes, criadores de gado, ferreiros, etc… Os moradores logo ergueram uma Capela tendo como oragos Santo Antônio e São Sebastião, benzida em 1818 pelo padre Hermógenes Cassimiro de Araújo Brunswick, do Desemboque. Assim foi estabelecido o reconhecimento do povoado pela Igreja. Esta instituição representava prestígios decisórios junto aos governos. Visto que em 2 de março de 1820, o rei D. João VI decreta a elevação de Uberaba à condição de Freguesia. O Decreto Real constituiu um grande avanço para a comunidade. Significou a emancipação e gerência própria em assuntos de ordem civil, militar e religioso. Foi o reconhecimento oficial tanto pela Igreja como pelo Governo Real. Uberaba foi crescendo e as terras foram ocupadas formando-se extensas propriedades devidas o baixo valor da terra e isenção de impostos sobre elas. Em pouco tempo reuniu-se seleta população de agricultores, pecuaristas e comerciantes e outras profissões, fato que viabilizou o Governo Provincial de Minas Gerais a criar o Município de Santo Antônio de Uberaba em 1836. Uberaba, em 1840 passou a sediar uma Comarca para distribuir a justiça na região. A importância regional da Vila de Santo Antônio de Uberaba era próspera que ela mereceu o título de Cidade em 1856, tornando-se um importante centro comercial que se acentuou com a inauguração da Estrada de Ferro em 1889, que foi um acontecimento facilitador da imigração européia para a cidade e do desenvolvimento da pecuária zebuína. A riqueza econômica refletiu na estrutura urbana onde surgiram requintadas construções no estilo eclético. No século XX, a cidade demonstra um crescimento da agricultura, da pecuária, da indústria e do comércio, atendendo as demandas nos aspectos econômicos, culturais e de serviços essenciais à população. Hoje Uberaba representa um centro comercial dinâmico, uma agricultura produtiva, um parque industrial diversificado e uma planejada estrutura urbana. Dada à importância histórica de 02/03/1820, quando a cidade foi elevada à Freguesia, o Município instituiu oficialmente como a data que se comemora o aniversário de Uberaba. Parabéns para os uberabenses que de maneira harmônica tem cumprido sua cidadania, preservando os valores culturais de nossa terra e valorizando a qualidade de vida da população.
Afonso Cláudio (Espírito Santo)
CURSO A DISTANCIA DE DETETIVE PARTICULAR, MINISTRADA PELA CENTRAL ÚNICA FEDERAL DOS DETETIVES DE SÃO PAULO. REPRESENTADA PELA MARKS AGENCIA DE INVESTIGAÇÃO PARTICULAR EM SÃO JOSÉ DO RIO PRETO/SP. CONTATOS: (17) 3222-1667 / 99214-6258 Matriz São Paulo (11) 3337-6196 E-mail: marksinvestigacoes@hotmail.com LEGISLAÇÃO Curso profissionalizante de DETETIVE PROFISSIONAL categoria livre. Ministrado em conformidade com os artigos 40 e 42 da Lei Federal nº 9.394/96, e do inciso IV do Artigo 1º e inciso I do Artigo 3º, do Decreto Federal nº 2.208/97. CBO 35-18-05 ocupação lícita em todo território Nacional, publicado no DOU em 22/06/1978. 1 - Funcionamento cursos de detetive: Estuda através de material didático (apostila) que é enviado para qualquer parte do Brasil, no momento em que se sentir apto solicita a prova. 2 - Duração do curso de detetive: Depende exclusivamente do poder de aprendizado de cada um, pois como recebe o material didático e estuda de acordo com sua disponibilidade, o candidato é quem determina o tempo que ele vai levar para aprender. 3 - Quem pode fazer o curso de detetive: Pessoas de ambos os sexos, 18 anos acima, ÁREAS QUE VOCÊ PODERÁ ATUAR: Investigações Comerciais e Particulares, Infidelidade Conjugal, Localização de Pessoas, devedores e bens, Elaboração de parecer dossiê, Contra Espionagem Industrial, Detecção de Furtos Continuados, Investigação de sinistros para Seguradoras. Detetive Particular Autônomo Trabalha para Agências de Detetives, ou Abrirem empresa de Investigações Particular. Trabalhar no setor de Inteligência de grandes empresas, indústrias, bancos e seguradoras, Escritórios de advogados, Cobranças, em todo o território Brasileiro. Valor do curso com porta documentos R$ 450,00
Abadia dos Dourados (Minas Gerais)
Quem somos A WT Detetive Particular atua sob direção de Wilson Teixeira, 45 anos, desde 1995 habilitado pela Academia Paulista de Investigações e possui diversos cursos na área, além de formação em ciências da aeronáutica, apaixonado por asas rotativas. A WT atendeu centenas de casos em diversas cidades do Brasil e atende ainda o mercado internacional. A prestação de serviços inclui inúmeros casos como desaparecimento de pessoas, casos criminais, passionais, conjugais, patrimoniais, furtos, roubos, crimes cibernéticos, questões partidárias, infiltração empresarial, dossiê executivo, entre outros, além de prestar consultorias e assessorias. Portanto, a WT Detetive Particular busca garantir ao cliente um atendimento profissional, tendo como princípios básicos a ética, a discrição, o sigilo e a honestidade. A profissão de DETETIVE PARTICULAR é regulamentada e foi sancionada pela Lei 13.432/17. Nesse sentido, além de atuar como investigador privado o profissional pode colaborar com a autoridade policial em casos oficiais. Atualmente o mercado de investigação particular no Brasil tem sido amplamente explorado e conta com a atuação direta do detetive particular, haja vista que a lei permite a colaboração mútua. Nos meios de comunicação é possível testemunhar a repercussão de casos de investigação em que a mídia aponta a participação ativa de detetives particulares na solução de casos relevantes para o futuro da nação. Anteriormente o detetive particular era buscado principalmente para investigação de casos de infidelidades conjugais, mas atualmente a postura mudou e o papel do investigador ampliou o seu espectro
Campinas (São Paulo)
Voce que quer ter uma profissão dos seus sonhos e aumentar suas vendas obtendo assim um ganho extra, a iccta particular franquiado ao conad conselho nacional dos detetives traz para voce um curso para detetive particular, detetive profissional, detetive federal e outros cursos desse segmento no conforto de sua casa, com duração de dois meses e meio totalmente online, voce pode fazer no dia e horario da sua preferencia. Faça já a sua inscrição para mais informações entre em contato conosco pelos telefones (19)33057673 cel.(19)981792183 contato: amorim ou maria do carmo.
Santo André-SP (São Paulo)
Agencia de Detetives  A Detetive Particular Brasil é a agência de detetives particulares mais bem conceituada no mercado.   Somos especializados nos segmentos de investigação conjugal, empresarial, familiar, teste de fidelidade, contra-espionagem, além de monitoramento virtual;  Pessoal e Veicular. Todos os detetives da   Detetive particular Brasil  possuem competência e formação para atuar na área; sendo que a equipe passa por treinamentos e cursos periódicos para aprender e aplicar novas estratégias e ferramentas.  Nossa agência conta com uma equipe de profissionais qualificados e com ampla experiência no mercado, aptos para exercer a função. Priorizamos sigilo total e discrição, faça uma visita em nosso escritório e tire suas duvidas. Atendimento 24 h   site hstp//:www.007detetives.com  tel 11 29094286     whatsapp 11 971583985  
Brasil (Todas as cidades)
Inclui trabalho com investigação privada também nós temos cursos de detetive particulartambém nós temos curso de detetive Não inclui nós temos acessórios detetive particular
Brasil
Detetive Aguiar está no ramo da Investigação Particular desde 1999 e possui Escritório Próprio. Formado Detetive Profissional no tradicional D.N.I. Departamento Nacional de Investigações, com cursos de extensão e reciclagem em Investigação atualizado. Iniciou a carreira de Investigador Particular trabalhando para várias Agências de Detetives na Cidade do Rio de Janeiro. Possui nível superior, é Perito Judicial e Especialista com título de Pós-Graduação em Investigação reconhecido pelo MEC. Autor do livro 'Detetive: manual técnico de investigação particular'. É um Colecionador de relíquias ligadas a Investigação Particular e Contra-Espionagem. Prêmio Braslider categoria profissional do ano. Atua em todas as áreas e departamentos da Investigação Particular. Foi tema de matérias na imprensa escrita, em prestigiados órgãos como Globo, Extra, OFlu, ViaNit, entre outras entrevistas. www.aquilainvestigacoes.com
Fortaleza (Ceará)
Detetive de Fortaleza - Leandro Cavalcante Agencia de Investigação e Pesquisa Agência de investigação especializada em casos de: Infidelidade Conjugal, Comportamento de Adolescentes,Levantamento Cadastral,Localização de Pessoas Desaparecidas Monitoramento,Investigação Política,Investigação Empresarial e Cursos de Investigador Particular. com fotos e filmagens e relatório diário. Cenheça nossos Serviços.. fixo (85) 3086-7628 Oi: (85) 8669-9286 tim: (85) 9856-6318 ( WhatsApp ) Claro:(85) 9221-5709 Emails: investigacaoepesquisa@gmail.com investigacaoepesquisa@hotmail.com site: http://api-pesquisa.comunidades.net
Fortaleza (Ceará)
Agência de investigação especializada em casos de: Infidelidade Conjugal, Comportamento de Adolescentes,Levantamento Cadastral,Localização de Pessoas Desaparecidas Monitoramento,Investigação Política,Investigação Empresarial e Cursos de Investigador Particular. com fotos e filmagens e relatório diário. Conheça nossos Serviços.. fixo (85) 3086-7628 Oi: (85) 98669-9286 tim: (85) 99856-6318 ( WhatsApp ) Claro:(85) 99221-5709
Rio Branco-AC (Acre)
Curso Detetive Particular. Conteúdo: Apostila + Certificado + Carteiras de identificação e Distintivo. Curso: Repórter investigativo. Curso:Supervisor de vigilância privada. Curso:noções básicas de perecias criminal e judiciaria. DURAÇÃO DOS CURSOS 30 DIAS R$750,00 entrada de 250 o restante no decorrer do curso. MAIS INFORMAÇÕES LIGA (68) 99934-5787 OU (69) 99242-4910 WHTSAPP FALAR COM AILTON
São Paulo (São Paulo)
* CURSOS COM DIRECIONAMENTO PARA ENTREVISTAS DE EMPREGOS * CURSOS COM AULAS AO VIVO E/OU PELO MÉTODO DE ENSINO A DISTÂNCIA * CURSO PORTARIA E CONTROLE DE ACESSO R$ 60,00 * FISCAL DE LOJA R$ 60,00 * RECEPCIONISTA R$ 60,00 * AUXILIAR DE MONITORAMENTO (BÁSICO) R$ 80,00 * TÉCNICAS DE SEGURANÇA DE EVENTOS R$ 160 (A DISTÄNCIA, VIA CORREIO, JÁ INCLUSO O FRETE). * DETETIVE PROFISSIONAL BÁSICO 2 X R$ 70,00 * INVESTIGADOR(A) PARTICULAR AVANÇADO (INCLUSO CURSO DE TIRO) " SEMI PRESENCIAL " 2 x R$ 390. * CURSO DE TIRO " PRESENCIAL" 2 x R$ 350,00 * REALIZAMOS SERVIÇOS DE DESPACHANTE * CERTIDÕES EM GERAL * AQUISIÇÃO DE ARMA DE FOGO * CRAF / PAF / CR EXÉRCITO, etc... * INVESTIGAÇÕES PARTICULARES EM GERAL * VENDAS DE EQUIPAMENTOS DE ESPIONAGEM * CONTRATE QUEM ENSINA! AGËNCIA DM Rua: Padre Machado, 455 - Conjunto 71 - Vila Mariana - São Paulo - SP (Próximo a estação de Metrô Santa Cruz) Tel: (11) 2628-2596 - 9-5224-4034.

Anúncios Classificados Grátis no Brasil | CLASF - copyright ©2020 www.clasf.com.br.